Por que empresas do setor imobiliário precisam ter presença online?

Existem mercados que aparentemente mudaram pouco nos últimos anos. Contudo, como diz aquele famoso ditado: “As aparências enganam” — e entender isso é importante quando falamos de presença online para negócios imobiliários.

No começo dos anos 2000, era comum sentir um certo medo dos empresários em relação à internet. Muitos temiam que os negócios online engolissem empresas e mudassem para sempre o modo de consumir determinados produtos.

O fato é que essa mudança ocorreu, mas ela não foi sentida de forma tão assustadora, pois o comportamento de consumo foi mudando aos poucos, sem que nos déssemos conta. Em um dia, nos perguntávamos como comprar um eletrônico pela internet. Meses depois, estávamos ansiosos pelos cupons de Black Friday dos aplicativos de compra. Mas, por que essa mudança não foi tão abrupta como tantas pessoas previam?

Marketing digital ajudou os negócios a criarem uma presença online

Marketing digital não é apenas colocar uma campanha no ar. Para isso, aliás, você nem precisa ter conhecimentos em marketing. Basta ter uma conta no Facebook ou Google. O papel do marketing digital é outro: analisar o comportamento de consumo, entendendo os medos das pessoas e prevendo suas ações.

Vamos voltar ao tempo. Há uns 10 anos, uma pessoa teria medo em cancelar o seu pacote de TV por assinatura para assinar Netflix, certo? Aliás, esse medo poderia ser maior em pessoas mais velhas, que já estavam acostumadas com a forma antiga de consumir conteúdo.

Essa marca, então, adotou como uma de suas metas educar o público jovem para que essas pessoas convencessem os seus pais a consumir Netflix. Foi tudo orgânico, natural e quando nos demos conta: “Netflix” já não era uma palavra estranha no nosso dia a dia.

Isso é consequência de uma estratégia de marketing digital bem-feita. Não é só anunciar, mas dizer algo que vá ajudar a marca a se comunicar de forma certa.

Presença digital hoje, amanhã e sempre!

Quando falamos em “presença digital para negócios”, temos uma sensação de que estamos nos referindo ao futuro. De repente, nos damos conta que quem nasceu no ano 2000 já é um adulto.

Independentemente do segmento no qual a sua empresa atua, do seu porte, do seu faturamento etc. não dá para encarar uma estratégia de marketing digital como se fosse algo que só fará a diferença daqui a cinco anos. Não é. É algo que começa a germinar em algumas semanas — e muitas empresas não se deram conta disso ainda.

Nesse sentido, o problema é não entender quais frutos o marketing digital traz no curto prazo. O primeiro deles é a informação. Após uma ação bem-realizada de marketing digital, a sua marca começa a ter acesso a relatórios muito valiosos sobre o público-alvo.

É claro que essas informações não caem do céu. É preciso uma equipe que saiba coletar e analisar esses dados. Novamente: marketing digital é mais do que uma campanha publicitária.

Com esses dados, o negócio pode corrigir erros que estão sendo cometidos, evitando prejuízos e desperdício de capital. Isso é fundamental. A médio prazo, há a possibilidade de reavaliar uma postura da marca, tentar mudar o seu foco, estudar lançamentos etc.

Já a longo prazo, existe a chance de pensar a empresa para um mercado que ainda está sendo construído, para oportunidades que nós ainda não conhecemos. A presença digital de uma empresa faz com que as nuances do comportamento de consumo, antes invisíveis, apareçam, gerando oportunidades de negócio.

Presença digital melhora os outros processos da empresa

Alguns processos que não têm ligação imediata com o de vendas podem ser diretamente beneficiados pelo aumento da presença online de uma marca. O processo de atendimento ao cliente é um deles.

Não se trata apenas da automação do atendimento, que já é uma tendência, mas de entender a insatisfação do cliente. Redes sociais, comentários em apps, tempo que a pessoa fica no site da empresa etc. Tudo isso pode ajudar a marca a melhorar o seu atendimento, aumentar o pós-venda e tornar esse cliente insatisfeito em um verdadeiro promotor da sua empresa.

Agora, imagine uma empresa que não tem esse pensamento. Ela vai descobrir uma insatisfação do cliente quando ele telefonar querendo cancelar — ou quando fizer uma reclamação no Procon.

Ok, mas o que tudo isso tem a ver com o mercado imobiliário?

O mercado imobiliário não é uma ilha. Hoje, os corretores estão se desdobrando para vender imóveis para a chamada “geração millennials” — e eles são totalmente diferentes dos pais, pois vivem um momento econômico e social diferente.

Para essa geração, o posicionamento da marca sobre temas considerados relevantes é necessário. A sua construtora se preocupa com o meio-ambiente? Se a resposta for sim, o corretor deve tocar nesse assunto, pois, acredite, ele pode ajudá-lo a fechar a venda.

O problema é que muito em breve, a sua marca estará vendendo para a geração Z, os irmãos mais novos dos millennials. Esse será um outro desafio, pois essa geração já nasceu com celular na mão. Você acha mesmo que sabe conversar com eles?

É para responder essa pergunta que nós, da Katsuki, nos preocupamos tanto com a presença digital dos nossos clientes. A gente sabe que é dessa estratégia que virá uma série de respostas para as perguntas que nós ainda nem sequer sabemos quais são.

Incorporare: um case de presença online no mercado imobiliário

Para que você consiga entender que ter uma presença digital é fundamental para o mercado imobiliário, nós destacamos o case da Incorporare. Essa marca, tradicional e já conhecida do público curitibano, teve um aumento de exposição gigantesco com ações de marketing digital.

Essa empresa teve um retorno (ROAS) de 11.122%. Para cada R$ 1,00 investido, teve como retorno R$ 11.122,00. Além disso, com a profunda análise de dados que pudemos realizar, foi possível aperfeiçoar as ações de comunicação da marca para as suas estratégias de médio e longo prazo. Comemoramos esses resultados hoje e sabemos que comemoraremos de novo no futuro.

Falar de presença digital para o mercado imobiliário é isso. É reconhecer que o mercado mudou, que o consumidor tem outras prioridades e que, quando menos percebermos, o mercado mudará de novo — goste você ou não.

Por isso, se você quiser bater um papo sobre a presença digital da sua empresa e entender o potencial do marketing digital, fique à vontade para conversar com a gente por telefone, e-mail e WhatsApp.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Posts recentes

Diversas empresas estão mudando a própria história com Marketing Digital e nós nos sentimos honrados por contribuir nesse processo.​

Será que não está na hora de mudar a da sua empresa?​

Muito mais do que querer que você se torne nosso cliente, queremos estabelecer uma parceria de crescimento mútuo!

VAMOS CONVERSAR?

    Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade.